fbpx

Conheça o incrível VW Passat Dacon 1978 vendido por R$ 68 mil reais

Volkswagen Passat 1978/1978 com acessórios do LS E Dacon na cor Preta. O Veículo foi totalmente restaurado para ser um “tributo” ao LSE Dacon, um serviço de personalização de altíssimo nível.

Vários detalhes como rodas de Variant II (Aro 15), para-choques originais com as ponteiras “esticadas”, passando pelo belo RagTop, o sistema de som Pioneer (com pintura em preto e equalizador), os estofados em couro, os relógios de painel com conta-giros grande (dos Audi), indo pelos frisos em preto-fosco e os “olhos-de-gato” dos VW Dasher americanos.

Possui ar condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos.

Motor dianteiro, longitudinal, 4 cilindros em linha (1588 cm³ ), potência de 96 CV (SAE) – (correspondentes a 80 CV – DIN) a 6.100 rpm. Torque de 13,2 mkgf a 3.600 rpm (SAE)

As mais famosas transformações realizadas no Passat eram feitas em São Paulo, pela Dacon. Importante concessionária VW, que já não existe mais, desde 1974 ela já oferecia um pacote de equipamentos para os consumidores que desejassem personalizar seu Passat.

Entre os itens oferecidos, sobre-aros cromados, volante Motolita, teto solar de lona, vidros elétricos e conta-giros (item que apenas em 1975 seria oferecido como acessório pela VW), entre outros.

Na parte mecânica, era possível equipar o Passat com dois carburadores Weber 40, comando 290º e demais alterações que aumentavam a potência do motor original. Outros itens que marcaram posteriormente os modelos Dacon eram as lanternas “modelo exportação” (com a área da seta em laranja, ao contrário do vermelho da época) e os frisos dos vidros e da dianteira do TS pintados de preto.

Siga o Brasil Sintonizado no Instagram e Facebook

Além de oferecer equipamentos a carros “normais”, a Dacon também projetou diversos projetos de alteração de carroceria utilizando o Passat como base.

Em uma época de importações proibidas, a empresa oferecia opções atrativas a quem procurava um carro diferente. Os modelos podiam ser equipados conforme o gosto do comprador e o preço cobrado por essa exclusividade poderia alcançar o dobro do valor de um Passat 0km. Possuir um Passat Dacon era um símbolo de status.

A concessionária Dacon fechou as portas nos anos 90, após fazer história não só com suas transformações com base no Passat, mas também com modelos exclusivos (como o Dacon 828 e o Nick).

No site da Pastore o carro é vendido por R$ 68 mil!

Fonte: Mundo Fixa / Pastore Car Collection

Confira as fotos na galeria abaixo:

Foto reprodução

1  / 12

Redes sociais:
error

Comentários

error

Não deixe de nos seguir nas redes sociais!