Volkswagen Tarek chegará em 2020 para brigar com Jeep Compass

O novo Volkswagen Tarek chegará em 2020 para brigar com Jeep Compass!

O Volkswagen Tarek é um  SUV médio que a marca alemã produzirá na Argentina e que chegará no Brasil em 2020 para brigar com o Jeep Compass pela liderança de vendas na categoria de SUVs.

Agora surgem fotos que mostram o painel, com desenho inspirado pela nova geração do Jetta, mas com diferenças para que não seja acusado de ser completamente igual ao sedã.

Foto/Reprodução

O flagrante do painel do Tarek mostra a central multimídia do mesmo tamanho do Jetta, com uma tela de 8 polegadas. O ângulo da foto é ruim, mas é possível notar que está com o painel de instrumentos digital Active Info Display, presente em outros modelos da marca como Polo, Virtus e Tiguan.

Siga o Brasil Sintonizado no Instagram e Facebook

A Volkswagen apresentou em maio deste ano o VW Tarek na China, que no país leva o nome de Tharu. Ele tem visual bem próximo ao do americano Atlas, com uma grade bem mais grossa do que no Tiguan, e sem adotar a nova identidade utilizada pelo novo Touareg e pelo futuro T-Cross.

A ideia da Volkswagen é que o Tarek seja posicionado entre o T-Cross e o Tiguan. Terá 4,453 metros de comprimento e 2,688 m de entre-eixos, medidas muito próximas do Jeep Compass, seu futuro rival, que tem 4,416 m de comprimento e 2,636 m de entre-eixos.

Na China, terá motor 1.2 TSI de 116 cv e 1.4 TSI de 150 cv, com transmissão DSG de dupla embreagem e 7 marchas. Para o Brasil, deve adotar o 1.4 TSI, mas não deve seguir o caminho de ter um motor abaixo, para não brigar com o T-Cross.

O Tarek será produzido na Argentina, chegando ao Brasil em 2020 como um dos últimos carros do plano de 20 lançamentos para o país. Existe a chance de que a VW adiante sua chegada importando o SUV médio do México, onde será fabricado para abastecer os Estados Unidos.

Fonte: Motor1

Confira as imagens abaixo:

Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução
Redes sociais:

Comentários